Adicionando fontes

Pacotes

As fontes podem ser adicionadas em todo o sistema Debian instalando-se o pacote apropriado; fontes estão especificadas na seção “Fontes”. As fontes padrão para todo o sistema serão instaladas em /usr/share/fonts pelo gerenciador de pacotes.

Notas:

Manualmente

Instale uma fonte manualmente baixando os arquivos .ttf ou otf apropriados e colocando-os em /usr/local/share/fonts (para todo o sistema), ~/.local/share/fonts (específico por usuário(a)) ou ~ /.fonts (específico por usuário(a)). Esses arquivos devem ter a permissão 644 (-rw-r - r -), caso contrário podem ficar inutilizáveis.

Execute fc-cache para atualizar o cache da fonte (adicione -v para uma saída detalhada). Os caminhos mencionados acima podem ser personalizados no arquivo de configuração fontconfig em /etc/fonts/fonts.conf - você também pode incluir subdiretórios ou links, o que é útil se tiver um diretório de fontes em um disco rígido separado (ou em uma partição ou outro local).

Se estiver instalando fontes de bitmap, pode ser necessário usar o dpkg-reconfigure:

  # dpkg-reconfigure fontconfig-config

Em seguida, habilite a fonte dos mapas de bits na terceira tela.

Usuários(as) do GNOME simplesmente podem abrir uma janela do Nautilus para fonts:// e arrastar e soltar os arquivos de fontes lá.

Você pode verificar se as fontes estão presentes procurando-as em um aplicativo (como um processador de texto) ou usando o comando fc-list. Um utilitário gráfico baseado em python, font-manager, também está disponível para visualizar todas as fontes instaladas e disponíveis.

Configuração

fontconfig é a ferramenta de configuração subjacente; os seguintes programas podem ser úteis:

Para visualizar uma lista de fontes monoespaçadas do lado do cliente (disponível no Xft, para que seja possível aplicar dicas de fonte e suavização):

  $ fc-list :spacing=mono

Para visualizar uma lista de fontes monoespaçadas do lado do servidor (disponíveis diretamente no servidor X, portanto a sugestão de fonte e o anti-serrilhamento não estão disponíveis):

  $ xlsfonts -fn '*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-m*'
  $ xlsfonts -fn '*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-c*'

Você também pode achar os comandos a seguir úteis para alterar a renderização da fonte padrão:

  $ dpkg-reconfigure fontconfig-config
  $ dpkg-reconfigure fontconfig

Listas de fontes

A página http://www.miriamruiz.es/debfonts/ exibe as fontes contidas em alguns pacotes, mas a lista de pacotes e fontes não é mais atualizada.

O serviço Debian Fonts Review precisa ser revivido.

A Compilação de Fontes Livres (Free Font Compilation) também não é mais atualizada. Uma nova versão está aqui: Free Font Compilation com cada fonte (do Google Web Fonts) como .deb e .rpm

Várias fontes livres estão ausentes do Debian e precisam ser empacotadas.

Fontes comumente usadas

O pacote fonts-liberation fornece fontes com as mesmas métricas das fontes Times, Arial e Courier. Essas fontes são chamadas de Liberation e estão presentes na maioria dos casos. Se você precisar de fontes originais não livres da Microsoft, o pacote ttf-mscorefonts-installer (na contrib) pode ser usado para obtê-las.

Fontes do leste asiático: fonts-arphic-uming fonts-wqy-zenhei fonts-sazanami-mincho fonts-sazanami-gothic fonts-unfonts-core

(de Wikipédia:Ajuda:Suporte multilíngue (Leste asiático) - em inglês)

Se quiser usar fontes não livres como a Calibri, que é do Microsoft Office, você pode fazer o download e instalá-las gratutitamente do Microsoft Powerpoint Viewer.

Capturas de tela de fontes no Debian

Com: https://screenshots.debian.net/packages?search=fonts-&show=with

Sem: https://screenshots.debian.net/packages?search=fonts-&show=without

Resolução de problemas

Se as fontes não forem exibidas corretamente, certifique-se de que a fonte correta seja carregada; por exemplo:

fc-match -s Helvetica

Caso contrário, você pode regenerar os caches com:

dpkg-reconfigure fontconfig fontconfig-config

Você também pode executá-lo como um(a) usuário(a) com fc-cache -fv.

Caso contrário, também pode ver a fonte em um visualizador como o font-manager.

A renderização de fonte individual pode ser testada diretamente com o programa ftview disponível no pacote freetype2-demos. Por exemplo, aqui está como mostrar glifos de amostra da fonte Mono Liberation usando os mecanismos de renderização 4.0 (e 3.5):

FREETYPE_PROPERTIES="truetype:interpreter-version=35" ftview 16 /usr/share/fonts/truetype/liberation/LiberationMono-Regular.ttf  &
FREETYPE_PROPERTIES="truetype:interpreter-version=40" ftview 16 /usr/share/fonts/truetype/liberation/LiberationMono-Regular.ttf  &

Isso foi muito útil para diagnosticar mudanças no mecanismo após a atualização do Debian buster, descrito no bug 866685.

Bugs

Etiquetas de usuário(a)

A equipe de fontes usará essas tags como usertags (etiquetas de usuário(a)) (user:pkg-fonts-devel@lists.alioth.debian.org)

Desenho e formato de fontes

Formatos de fonte de fontes

Gerando fontes de uma fonte

O sistema de compilação upstream deve sempre ser usado para gerar fontes. Se o(a) upstream não possui um sistema de construção, é uma boa idéia contribuir com um baseando-se nas seguintes ferramentas em software livre.

O fontforge é um editor de fontes de contorno e bitmap que gera todos os tipos de fontes. É também programável e possui uma ferramenta adicional xgridfit para dicas. As fontes que usam essas ferramentas podem ser encontradas usando estes comandos:

apt-cache rdepends fontforge
apt-cache rdepends xgridfit

Talvez seja mais útil encontrar pacotes que constroem a partir do código-fonte com fontforge ou fontmake (não funcionará com Build-Depends multilinhas):

apt-cache search ^fonts- | awk '{print $1}' | while read a; do echo -ne "$a "; apt-cache showsrc $a | grep Build-Depends; done

Há também birdfont , ttfautohint e fontmake .

Formatos de fonte de saída

ttf, otf, bdf, pfb, fnt, woff

Ferramentas para fontes

Ferramenta

Pacote Debian

Comentários

bdf2sfd

bdf2sfd

Converte fonte bitmap BDF para formato vetorial (fonte do fontfourge)

texlive-font-utils

texlive-font-utils

Programas para conversão de fontes, teste e outras operações.

fttools

lcdf-typetools

ferramentas para fontes ?OpenType, multiple-master e Type 1

ttf2tex

freetype1-tools

ttf2pt1

Conversor de fontes de TrueType para Adobe Type1.

otf2bdf

otf2bdf

Utilitário de linha de comando que gera fontes bitmap BDF a partir de fontes ?OpenType.

fonttools

fonttools

Uma bibliote Python para abrir e manipular arquivos OTF e TTF.

GTK+ Font Manager

font-manager

Programa Python para exibir e comparar fontes.

GNOME Font Viewer

gnome-font-viewer

Interface simples para pré-visualizar todas as fontes instaladas.

Existem várias ferramentas de fontes que não estão incluídas no Debian, mas são usadas para produzir fontes incluídas no Debian:

{i}

Disponível no Debian, embora ainda não esteja na estável (stable).

{*}

Alguém está trabalhando para inclusão no Debian.

{o}

Alguém solicitou inclusão no Debian.

{X}

Alguém precisa enviar um relatório de bug RFP ou ITP e atualizar esta página com o número do bug resultante.

/!\

Estava disponível no Debian, mas não faz parte do estável (stable) ou instável (unstable).

Ferramenta

Comentários

{o} https://github.com/ayoy/fontedit

962120

{i} defcon

806513

{i} booleanOperations

806516

{i} cu2qu

868004

{i} fontmake

865283

{i} glyphsLib

868005

{i} MutatorMath

806503

{i} ufo2ft

868006

{i} fnt

984461

{i} vfit

1001777

{*} bdf2sfd

951034

{*} psftools

874548

{X} mkspecimen

Gerador de espécimes de fonte, inspirado na versão da Wikipedia

{X} debian2appstream

Gerador de metadados AppStream para fontes (entradas fonts- pré-geradas) (um script dh_font do deb helper deve ser feito) isso é bom se você quiser que as fontes apareçam nas lojas de aplicativos gnome/kde

Recursos adicionais

Manual de referência

Páginas wiki

* tahoma

Desatualizados

Antigos, mantidos por interesse histórico e para referência: